Reino Unido pode ter novo referendo sobre Brexit

Líder da oposição defende nova consulta popular

Diante dos impasses sobre a saída do Reino Unido da União Europeia, o líder do Partido Trabalhista britânico, de oposição, Jeremy Corbyn, anunciou que vai apoiar um novo referendo sobre o Brexit. Nesta terça, dia 13, o Parlamento rejeitou, mais uma vez, o acordo proposto pela primeira-ministra Theresa May para o Brexit, o que aproxima ainda mais a possibilidade da realização de um novo referendo.   

O novo acordo foi rejeitado por 391 votos contra e 242 a favor. Essa foi a segunda vez que o Parlamento britânico rejeita a proposta de Theresa May para o Brexit. A primeira votação ocorreu em 15 de janeiro, quando houve uma rejeição de 432 votos contra e 202 a favor, a maior derrota do governo na história moderna.

Com a não aprovação das duas propostas, o Parlamento agora votará se o Reino Unido deve sair no dia 29 de março, prazo anteriormente estipulado, mesmo sem um acordo. Se os deputados rejeitarem o Brexit sem o acordo, o próximo passo será uma votação sobre o adiamento da saída do bloco. As duas votações estão marcadas ainda para esta semana.

Segundo analistas, se a proposta de sair da União Europeia sem um acordo avançar, uma alternativa considerada improvável, isso poderia resultar em grandes prejuízos para o comércio, saúde, imigração e outras áreas. Entre os problemas, é considerado, inclusive, o risco de faltar alimentos e remédios.

Com a falta de consenso sobre os rumos do país, o líder do Partido Trabalhista expressou seu firme apoio a outro referendo e também a uma eleição nacional. A proposta é fazer uma emenda pedindo uma segunda consulta popular, evitando, assim, uma saída com resultados desastrosos. No entanto, ainda não está definida qual pergunta deveria ser feita para os eleitores em uma nova consulta.

Fontes:

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/03/12/parlamento-britanico-rejeita-novamente-acordo-sobre-o-brexit.ghtml

https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/03/13/deputados-britanicos-votam-se-reino-unido-deve-sair-da-ue-sem-acordo.ghtml

https://brasil.elpais.com/brasil/2019/02/25/internacional/1551117457_981993.html

https://veja.abril.com.br/mundo/derrotado-lider-do-partido-trabalhista-apoia-novo-referendo-do-brexit/

https://oglobo.globo.com/mundo/partido-trabalhista-britanico-apoiara-novo-referendo-do-brexit-23488411

Odair Oliveira